Domingo, 16.05.10

O Sésamo que transportou a família ao palco

Ontem, dia 15, foi o dia internacional da família, dia instituído pelas Nações Unidas em 1993. Por ter caído este ano num Sábado, foi mais fácil engendrar um programa com a família, que, penso, foi do agrado de todos. Porém, mais fácil seria se nossos filhos fossem crianças, pois, as horas mortas seriam preenchidas com programas educativos de maior valor acrescentado que os banais, muitas vezes violentos, desenhos animados modernos.

Hoje, resolvi confeccionar um prato à moda japonesa. Não, nada de peixe cru. Tratava-se de:

Pato assado desfiado em molho teriyaki acri-doce, com sementes de sésamo tostadas.

Não penso ser necessário dar-vos a receita de pato assado. Vou apenas vos falar do molho acri-doce teriyaki:
.

Ingredientes (doses a olho conforme o volume da carne a que se vai juntar o molho):
  1. Começar por doirar as sementes de sésamo (gergelim no Brasil) no óleo alimentar.
  2. Quando a cor lhe agradar deite a colher de manteiga e abrande o lume
  3. Junte o molho teriyaki, o vinagre balsâmico e o açúcar mascavado, mexendo incessantemente até engrossar
O treino ajudá-lo-á a chegar à dose certa dos ingredientes que satisfaça o seu gosto e o de seus convivas. A arte de cozinhar, é a meu ver, baseada em três princípios subjectivos que não estão nunca claros nas receitas (nem podiam). Estes princípios têm paralelo na gestão do nosso dia-a-dia, pelo que a cozinha é uma autêntica lição de vida. Senão vejamos:
  • Princípio da dose (na vida: ser ponderado): os temperos e ingredientes devem ser bem escolhidos e obedecer a proporções criteriosamente sincronizadas em função do prato em vista.
  • Princípio do momento certo (na vida: sentido da oportunidade): os ingredientes não se colocam ao mesmo tempo, nem em qualquer ordem. O momento certo para cada ingrediente é crucial para o sucesso do prato!
  • Princípio da temperatura certa (na vida: entre a serenidade e o vigor das emoções): as reacções químicas que se sucedem, diferem consoante a energia recebida, pelo que por vezes devemos dar escaldões e por vezes o lume deve ser brando. A temperatura pode também ser regulada internamente, consoante o tipo de óleo usado (a manteiga reduz a temperatura do meio e o azeite aumenta).
Enquanto comíamos, um de meus filhos perguntou o nome das sementinhas castanhas e deliciosas que identificara no molho. Ao lhe responder "sementes de sésamo" seus olhos brilharam e evocou o célebre "Rua Sésamo" dizendo: "o nome daquele programa do pássaro amarelo ... o Poupas!".

Não sei porquê, mas logo pensei no dia anterior, o tal da família em que programas destes viriam a preceito. O pior veio mais tarde, quando em frente do computador, procurando as efemérides do dia, deparo com o vigésimo aniversário da morte do "pai dos bonecos do Sésame Street" o famoso Jim Henson. Creio que vou perder a credibilidade junto de meus leitores, se disser que é mais uma coincidência, mas o facto é que lá estava a data do falecimento deste grande criador de marionetas. Lembro-me perfeitamente desse dia em que Jim morreu, pois encontrava-me nessa altura nos Estados Unidos a doutorar-me. Durante dois dias não se falava noutra coisa senão no desaparecimento físico do autor dos "Marretas". lembram-se do genérico? ... Ei-lo:

* *
****************************************************
Mas nesse triste dia, faleceu também uma outra grande figura do entretenimento. Os noticiários repartiam seu tempo e homenagens entre Jim Henson e Sammy Davis Jr. Porém, devido ao preconceito a proporção das notícias pendia a favor de Henson. Segundo a biografia apresentada no UOL Educação (ver aqui): "A carreira de Sammy Davis foi bastante prejudicada pelo preconceito racial, que limitou seus papéis no cinema, mesmo considerando sua parceria com amigos do Rat-Pack como Frank Sinatra e Dean Martin. O artista, porém, compensava com espetáculos ao vivo, tendo uma agenda constantemente lotada e casa cheia. "Gostem ou não de mim, eles sabem que meu espetáculo vale o dinheiro que gastaram com o ingresso", disse ele numa entrevista." Para finalizar, vejamos um clip deste grande entertainer que faz ao seu lado, a imitação de um outro grande: Nat King Cole. Até parece um show dos Marretas!:

* * .
sinto-me:
publicado por jorsoubrito às 18:22 | link do post | comentar | ver comentários (1)
Domingo, 03.01.10

Stress, química e objectos oblongos

Acaba hoje o período de festas! Amanhã toca a iniciar as aulas e a ir ao trabalho. Deu para descansar? Duvido. Creio que as pessoas estiveram bem "stressadas". Minha mulher de tanto fazer bolos, viu seu colesterol aumentar. Diz ela que leu algures (será aqui?) ser o stress uma das causas do aumento do colesterol. Veio ela do mercado hoje, com duas dúzias de beringelas, alegando serem boas para o tal colesterol.
 
 
Esta roxa e oblonga fruta parece ser rica em muitas coisas, entre as quais a vitamina C e outras biomoléculas estranhas e especiais que só a biologia molecular saberia elucidar.
 
 
E o dia 3 de Janeiro, traz-me às minhas meninges, objectos oblongos, vitamina C e biologia molecular , na figura de Linus Pauling, o único cientista que ganhou sozinho, dois prémios Nobel (em menos de 9 anos).
 
 

Este paradigmático e transdisciplinar cientista, ganhou em 3 de Janeiro de 1954, o prémio Nobel da Química pelos seus trabalhos sobre a ligação química. Foi ele que engendrou a teoria das hibridações das orbitais atómicas. Pauling tornou-se também num fervoroso adepto da vitamina C, tendo feito vários estudos sobre esta vitamina e publicado um livro intitulado "Vitamin C and the Common Cold". Sabe-se também que a vitamina C alivia a resposta do corpo ao stress.

 

Mas o stress e os objectos oblongos estão ainda na minha mente, associados a outros momentos e circunstâncias. Vou vos contar uma pequena história que presenciei: Um belo dia, vinha eu tranquilamente a passar junto a um parque da nossa cidade, quando deparei com dois petizes dos seus 10 anos, a discutir frenética e nervosamente (com bastante stress), atirando frases insultuosas um ao outro, à guisa de "quen qui ta côba más fédi". Às tantas o que parecia mais novo, olha para a cabeça rapada à escovinha do mais alto, cabeça esta que tinha a forma de um seixo (essas pedras roliças do mar) e desferra: "Cabéça sima pedra di limpa cadêra!" Logo me ocorreram outras versões deste analógico insulto:

  • "cabéça sima simenti mángui"
  • "cabéça sima zipilin" (esta mais antiga, proveniente do evento a seguir evocado)

 

Mais uma vez, a propósito de coisas oblongas relacionadas com o stress, eis que o Zeppelin se mostra um interessante exemplo. Não é que recebo hoje por e-mail uma extraordinária foto do LZ127 Graf Zeppelin aquando da sua passagem a 21 de Maio de 1930 pela cidade da Praia, a caminho de Rio de Janeiro! Vejam ao lado, a foto que me foi enviada pelo meu dileto primo, Carlos Alberto Mascarenhas Loff FONSECA. De facto o Zeppelim era bastante perigoso, pois continha hidrogénio, um gás bem combustível. Ficou célebre o incêndio do dirigível Hindenburg em 6 de maio de 1937. Vejamos no entanto o resto da viagem do Zeppelim que pela Praia passou:

 

**
sinto-me:
publicado por jorsoubrito às 17:12 | link do post | comentar
Sábado, 27.10.07

Também eu atingi os dois dígitos!

Assim como o nosso Primeiro-Ministro prometeu (desde 2001) atingir os "dois dígitos" no valor do peso do crescimento económico e acaba de anunciar o feito, eu também prometi a mim mesmo (desde há menos de dois meses) atingir "dois dígitos" no valor do peso de minha pessoa e acabo de conseguir. Só que eu parti de cima (113Kg) para atingir hoje, dia 28, os 99Kg.

Como pude então em apenas 58 dias, emagrecer 14Kg, comendo à vontade: torresmos, manteiga, enchidos, queijo gordo, natas, carnes, etc.? E meu colesterol até diminuiu. Até parece que estou a mentir não acham? Não continuem as analogias, eis a razão:

Sigo a "Dieta revolucionária do Dr. Atkins", que consiste em não ingerir mais do que 20g de Hidratos de Carbono por dia. Assim fazendo, o pâncreas quase que pára e o teor de insulina reduz-se consideravelmente no sangue. A insulina é a responsável pela condução da glicose (a substância em que boa parte do hidrato de carbono ingerido se converte) às células para que estas a convertam em energia. Ora, não havendo glicose a chegar às células, estas não têm outro remédio senão "pedir" energia às nossas próprias banhas acumuladas. Este método secundário de obtenção de energia pela parte do nosso organismo, chama-se Lipólise.

Vejam o que diz o site "Copacabana runners" e visitem o site oficial de Atkins.
publicado por jorsoubrito às 22:21 | link do post | comentar

Mais sobre mim

Posts recentes

pesquisar neste blog

 

tags

Subscrever

Feedback

  • Caro colega, sou frances radicado no brasil desde ...
  • Prezados amigos,verifiquei que não sou o unico a p...
  • sou um militar da reserva da marinha do brasil, fi...
  • Olá, perdôe-me entrar assim sem convite, mas pesqu...
  • 73 de PY3FBI Pacheco Qth Porto Alegre RS Brasil.Mu...
  • boa tarde caro amigo,como voce eu tambem morei no ...
  • Bonita história!Carrega no link http://www.barrosb...
  • Ola boa tarde .Eu me interesso muito pelo radio am...
  • Ola JprgeE com prazer que leio as historias da nos...
  • Gostei do layout do blog em que representa lembran...

Mais comentados

arquivos

blogs SAPO

Visitas